The Seven Mile Journey - Notes For The Synthesis (2011)

1. Departures
2. The Alter Ego Autopsies
3. Simplicity Has a Paradox
4. The Engram Dichotomy
5. Transits
6. The Etiology Diaries









As melodias deste projecto com origem na Dinamarca são um bálsamo para a inspiração. Este é já o quarto álbum do grupo e a linha sonora está filiada na escola pós-rock instrumental de uns God Speed You! Black Emperor por exemplo.

Construídos como uma experiência do início ao fim, os discos dos The Seven Mile Journey requerem uma atenção especial e estão longe de caírem nos clichés do pára/arranca do género, ou como quem diz, uma melodia que começa calma e que depois vai crescendo para explodir numa distorção de guitarras e bateria furiosa, para depois acalmar e subir de novo. O que se passa aqui é muito mais orgânico e contínuo, como é o caso da segunda faixa, com os seus 20 minutos de duração que podem assustar os menos pacientes, mas que prima por um serpentear de variações na melodia que nos hipnotiza.
Demasiados pormenores para absorver, isto é música para ouvir bem alto e no aconchego do silêncio, um primor de beleza.
A produção assume destaque, assim como a destreza técnica de cada membro da banda. O som de cada instrumento sente-se com uma força que ameaça estalar-nos o peito, em particular a bateria, mas o piano, elemento que vem ganhando uma importância gradual neste projecto, é outro grande responsável pela direcção de cada música. É fascinante a ideia de nunca sabermos até onde nos pode levar a viagem sonora e ainda estamos nos momentos finais da tal segunda faixa e já todos nós somos sorrisos, com as teclas a pintarem a melodia com uma alegria tão vibrante como melancólica. Confesso, estou apaixonado.

Ainda com o fôlego a dar de si, dou por mim envolto na terceira música e o encanto está longe de desaparecer. O dedilhar das guitarras, as variações, o baixo a comandar partes da música, tudo conflui para uma catarse dos sentidos, estamos inebriados e tanto queremos deixar-nos cair como queremos continuar a flutuar, chega a ser confuso tanta emoção.

É sem a menor dúvida que sinto em todo o meu corpo que há muito tempo que já não ouvia nada assim, muito menos neste género. Demasiados pormenores para absorver, isto é música para ouvir bem alto e no aconchego do silêncio, um primor de beleza.

Site oficial: http://www.thesevenmilejourney.dk/
Facebook: https://www.facebook.com/thesevenmilejourney
Bandcamp: https://sevenmilejourney.bandcamp.com/album/notes-for-the-synthesis

2 comentar

Click here for comentar
elsafer
admin
25 agosto, 2011 09:05 ×

os sons de um dia que tanto poderá ter 2 ( ou menos) a 20 horas de luz ( ou mais, dependendo do local na Dinamarca ) ...

;-)

Reply
avatar
Azelpds
admin
25 agosto, 2011 14:16 ×

Muita luz neste disco pelo menos ;)

Reply
avatar