Os Dias de Hoje

"Dentro de algumas horas, quando acordares pela manhã, irás perceber que os dias continuam compridos, sem respostas, com as paredes de casa ainda mais despidas do que antes, nas saudades estampadas nos lençóis brancos.

Nesse momento, dedilhas notas de água, de forma natural, no torpor do silêncio enquanto mordes os lábios.

Desde então, tudo o que é singelo, perdeu-se nos teus olhos."

Nuno Almeida, O Livro Dos Cisnes Negros, 2009

2 comentar

Click here for comentar
21 outubro, 2009 10:46 ×

ficam na alma os momentos de partilha , com um sorriso ...
e os dias passam tranquilos e doces, porque crescemos ...

Reply
avatar